Categorias
Saúde

A REALIDADE DA ÁGUA NO BRASIL

O acesso a água básica aqui no Brasil teve um aumento de 94% para 97% entre o ano 2000 até 2015, um aumento que nos leva ao acesso ao saneamento básico, que teve alta de 73% até 86% no mesmo período.

O Brasil possui um sistema nacional de financiamento de água e saneamento, assim como a infra estrutura, considerado um gasto muito alto em comparação aos outros países.

Um número alto de brasileiros vivem nas conhecidas favelas, ou comunidades, além das áreas rurais e que não possuem acesso a água potável e muito menos saneamento. A água também é escassa em determinadas áreas do país, como é o caso do nordeste.

A poluição da água é comum, especialmente no sul do país, o Brasil possui um nível baixo de desperdício de água, tudo isso porque aquela que já foi utilizada, consegue ser reutilizada com um grande custo de tratamento.

Em 2015 cerca de 6 milhões de pessoas tiveram acesso a água potável, ou seja, cerca de 97% da população possui esse benefício. Dentro esses índices, 99% estavam em áreas urbanas. Assim como o saneamento, que 29 milhões de pessoas não tiveram acesso, nem no mínimo do saneamento. Os números apontam que apenas 91% das pessoas que moram em regiões urbanas possuem acesso, enquanto apenas 58% da população de área rural tem esses benefícios.

Isso mostra um cenário em que apenas poucas pessoas possuem o privilégio te ter água encanada, que funciona direito e ainda que tem um sistema de esgoto no mínimo aceitável dentro de seus lares. Por isso quando for tirar a sua 2 Via Coelba lembre-se de não reclamar de ter que pagar esses custos, isso só acontece porque você está usufruindo deles, diferente de muitas pessoas ao seu redor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *